domingo, 25 de outubro de 2009

Entrevista com Irmão Valmare Araújo - Mestre Conselheiro da 36ª Gestão 2009-2 - Capítulo Manoel Gonzaga Bezerra Filho Nº 156 (GCE/AC - SCODRFB)!!!

Meus Irmãos da Comissão,

Retorno com esta saudação inicial tão conhecida, nossa MARCA REGISTRADA nas Listas DeMolays de todo País e como anunciei semana passada que estaríamos realizando entrevistas com Mestres Conselheiros de todas as Regiões do País, relembremos que já estivemos no SUDESTE, mais especificamente em Cosmópolis/SP, passamos pelo extremo nordeste do Brasil, na minha querida Caraúbas/RN e hoje em mais um CAPÍTULO DESTA SÉRIE, da qual nós falaremos 1 pouco municiosamente no parágrafo abaixo, nós conheceremos mais um pouco da realidade da Região NORTE, após a fala conhecida do renomado líder Vanylton, agora vamos conversar com 1 Mestre Conselheiro, Acreano, como o Daricélio, trata-se do irmão: Valmare Aquino de Souza Araújo - Mestre Conselheiro da 36ª Gestão (2009-2) do Capítulo Manoel Gonzaga Bezerra Filho Nº 156 – Rio Branco/AC.

Eu antes, só gostaria de deixar aqui explicado a todos, que estamos tentando fazer com que cada um que leia todas as entrevistas, trace em sua mente o PERFIL do Brasil DeMolay, por isso algumas perguntas são IGUAIS a todos os entrevistados nesta sequência, a qual estamos batizando de: “NOVAS CRUZADAS: UMA VISÃO DA ORDEM DeMOLAY BRASILEIRA”!!!

Eu espero que este BLOG e seus PROPÓSITOS, continue merecedor da Leitura e Entretenimento de todos vocês que diariamente nos prestigiam, ultrapassamos a barreira dos 100 SEGUIDORES cadastrados...

Obrigado BRASIL DeMOLAY!!!



" foi de grande reconhecimento para todos os DeMolays Acreanos esses dois feitos: Daricélio como Mestre Conselheiro Nacional, apresentando o Acre para o Brasil e o IV CNOD concretizando que o ACRE existe." (Valmare Araújo - Outubro/2009)
1) Valmare, como é “regra” em todas as nossas Entrevistas, explicite a todos, o seu PERFIL COMPLETO (nome, onde nasceu, quando, definições, idéias) “cartão de visitas” para que o conheçamos melhor..

R – Meu nome é Valmare Aquino de Souza Araujo, nascido na em uma cidade do interior, Xapuri/AC, no dia 23 de Junho de 1991. Me mudei da minha cidade natal quando tinha 12 anos e vim morar na capital por motivos de estudo.
Fui iniciado na Ordem especificamente no Capitulo Manoel Gonzaga Bezerra Filho Nº 156 no dia 12 de maio de 2007, e elevado ao Grau DeMolay no dia 24 de outubro do mesmo ano. Investido na Ordem na Cavalaria no dia 01 de maio de 2009, na Cidade de Jarú RO no Priorado Portal da Amazônia. Fui eleito ao cargo de 1º Conselheiro para a 35º Gestão do capitulo e no semestre seguinte me candidatei ao honroso cargo de Mestre Conselheiro no qual fui eleito.

2) Como, onde, quando e em que circunstâncias você conheceu a Ordem DeMolay e foi convidado a integrar as nossas Fileiras?

R – O Primeiro contato com a Ordem,foi uma Cerimônia Branca que os irmãos da Capital, realizaram na Cidade de Xapuri se não me falha a memória no ano de 2005. Fui convidado por dois irmãos, Rauê Sarkis e Elias Sarkis, que moravam em Xapuri e vieram morar na Capital,e iniciaram na Ordem, posteriormente me fizeram o convite e aceitei iniciar nas Fileiras da Ordem DeMolay.

3) Em 2004, como todos sabemos, a Ordem DeMolay Brasileira dividiu-se em 2 Supremos Conselhos. No seu Estado, o Acre, todos os Capítulos são filiados ao mesmo Supremo (SCODRFB). O que você pensa a respeito desta “nova realidade” da nossa Ordem em nosso País? E mais, especificamente qual é a sua VISÃO de tudo isso no âmbito da Região Norte do Brasil, já que você é o escolhido por este BLOG para representá-la nesta série de entrevistas, a partir de hoje denominada “CRUZADA, UMA VISÃO DA ORDEM DeMOLAY BRASILEIRA”?

R – Como no estado não tem nenhum capitulo do SCODB e tenho quase certeza que na região Norte também nenhum capitulo filiado ao SCODB.Minha visão sobre esse assunto creio eu que seja a da maioria dos membros. Que estamos sobre os mesmos princípios pois tanto o SCODBRFB quanto o SCODB, tem por base as mesmas 7 virtudes e os mesmos baluartes que são as nossas bases da Ordem DeMolay MUNDIAL. Não sou um profundo conhecedor desse assunto porém me deixa muito triste em ver essa divisão acontecendo.


4) Qual seria, também na sua visão, o principal OBJETIVO da Ordem DeMolay nos dias atuais? Continuam os mesmos de 1919 quando ela foi criada? Se não, em que se modernizaram?

R – A Ordem,completou 90 anos,e certamente a realidade daquela época era diferente dos dias atuais, porém a essência da Ordem continua sendo a mesma,que é a de formar e moldar melhores homens para a sociedade. Algumas coisas mudaram,como a forma de gestão capitular porém os princípios da Ordem continua sendo o mesmo e irá ser o mesmo daqui a 90 anos.

5) Você como um DeMolay Ativo que ainda o és, o que espera dos Dirigentes do GABINETE ESTADUAL ACRE, do GRANDE CONSELHO ESTADUAL ACREANO e do SUPREMO CONSELHO DA ORDEM DeMOLAY PARA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL? Qual a sua expectativa para o seu Estado e Região?

R – Certamente o Gabinete, Grande Conselho Estadual e o Gabinete Nacional Supremo Conselho estão bem muito bem representados e tenho, certeza que desempenharão um ótimo trabalho no Estado quanto na região norte. As minhas expectativas para o estado é para que seja feita uma espécie de curso de Ritualística e de Gestão Capitular,pois no estado muitas vezes os irmãos pedem ajuda aos irmãos da capital a realizarem algum evento, como iniciação, elevação e outras coisas. Nós não nos negamos de forma alguma a ajudá-los,porém é com base em um ditado que é melhor dá a vara de pesca e ensinar a pescar do que dá o peixe pronto pra cozinhar. Pois assim os irmãos terão autonomia a realizarem seus eventos. E para a região Norte certamente será realizado um ótimo trabalho do Gabinete Nacional e é com satisfação que o Acre está muito bem representado pelo Irmão Elias Sarkis Past Mestre Conselheiro Estadual e que agora na gestão do Irmão José Neto, foi nomeado Secretário Macro Regional do Norte, e agora certamente terá uma maior integração com os capítulos da nossa região.

6) Qual seria a PRINCIPAL MUDANÇA Administrativa que sugeririas para melhorar ainda mais ao Supremo Conselho, contemplando assim as diversas realidades deste nosso país?

R – Nessa nova Administração,que possam realizar mais visitas aos Estados cujo capítulos são mais afastados dos grandes Centros e levarem suas experiências,desenvolver cursos para que os DeMolay’s continuem se desenvolvendo. E a idéia do irmão Clark também é muito valida, pois o Escudeiros, já iniciariam na Ordem com uma visão bem mais aprofundada da Ordem do que outros que iniciam sem conhecer muito da Administração capitular.


7) Assim como fizemos em todas as entrevistas da série “CRUZADA”, com os MESTRES CONSELHEIROS que representaram as Regiões Sudeste e Nordeste, te pedimos também que deixe no ar alguma dica para a Comissão Organizadora do 6º CONGRESSO NACIONAL, que será realizado em julho/2010, na capital federal, Brasília: O que você como DeMolay Ativo, da Região Norte do Brasil, gostaria de ver sendo discutido ou palestrado durante estes 3 dias em que ocorre?

R – Como participei da de certa forma do Congresso que foi realizado na Cidade de Rio Branco em 2008 e tendo por bases as discussões que foram realizadas aqui, que seja desenvolvido também temas para que os irmãos possam usar na sua vida profissional e social e gostaria que também fosse discutido, temas como liderança,gestão capitular, que ensinassem os membros que participarem desse congresso a trilhar melhores caminhos e levassem os conhecimentos adquiridos nesse grandioso evento para seus capítulos.
E gostaria de desejar toda a sorte do mundo para que os irmãos da comissão organizadora do VI CNOD, e que tenham sucesso e desempenhem um ótimo congresso.

8) Quais são ainda seus Objetivos a serem alcançados na Ordem antes de tornar-se Sênior e mesmo após?

R – Meus objetivos é ajudar a Ordem DeMolay Acreana, a se desenvolver a cada dia e que ela seja,ainda mais reconhecida nos grandes centros brasileiros, onde se encontra uma Ordem DeMolay forte e muito bem estruturada. E independente de cargos como DeMolay ativo ou Sênior DeMolay, sempre buscarei passar meu aprendizado que tive com a Ordem, ajudar de fato o capítulos acreanos e especialmente o Capitulo Manoel Gonzaga Bezerra Filho Nº 156, podendo ser membro do Conselho Consultivo, quando me tornar Sênior.

9) Você é um ESTUDANTE de ODONTOLOGIA; Acadêmico da Faculdade UNINORTE. Porque escolhestes ser Dentista? A opção se deu por vocação mesmo? Fale de suas expectativas para o rumo Profissional de sua vida.

R – Na verdade se deu pois meus pais queriam me mandar pra fora do Estado pra cursar uma faculdade, porém nunca quis sair da minha terra.E vésperas de terminar o prazo de inscrição do processo seletivo, acabei me inscrevendo a concorrer uma vaga no curso de Odontologia,pois queria fazer uma faculdade no ramo da saúde.
As minhas expectativas na minha vida profissional é conseguir um bom emprego, estabilizar minha vida profissional e sempre está buscando novas técnicas para não ficar defasado no mercado de trabalho.

10) Você tem acompanhado o BLOG DO OMAR? O que achou deste novo espaço na Internet que objetiva trazer à presença de todos, pessoas conhecidas nacionalmente, outras não, de maneira a dar oportunidade a todas as camadas da Ordem de exporem suas opiniões e idéias? Algum recado específico para o Mantenedor e Leitores deste BLOG?

R – Acabei conhecendo o BLOG, justamente no dia em que fui convidado a dá essa entrevista,de lá pra cá tenho acompanhado as entrevistas com os irmãos Mestre Conselheiros dos outros estados, tendo a oportunidade de conhecê-los e conhecendo a realidade dos irmãos dos outros estados.
Aos leitores do BLOG,essa é uma oportunidade de nos conhecer melhor e trocar experiências como DeMolay. E ao Tio Omar é uma bela iniciativa,de está divulgando aqueles irmãos que fazem a Ordem DeMolay na sua essência,pois não são aqueles irmãos que estão nos holofotes da fama, mais que desempenham um trabalho digno e honroso à frente de seus capítulos.


11) Estivemos em Rio Branco/AC, em Julho/2008, durante o 4º CONGRESSO NACIONAL. Conhecemos um Brasil que até então não havia se apresentado diante de nós, vivemos no Sudeste, onde pouco se divulgam notícias e costumes da Região Norte, só mesmo as de maior relevância.
Nos encantamos com a garra e ao mesmo tempo a galhardia como vocês realizaram o CNOD, conhecíamos Daricélio, Dorian, Tio Almir, mas acabamos por conhecer toda estrutura da Ordem no Acre, mostraram a todos que apesar da distância para os grandes centros de mídia nacional deste País, vocês tem muito a acrescentar à cultura e desenvolvimento do Brasil.
Na visão de vocês, qual foi o MAIOR LEGADO deixado pelo CNOD para o Acre e para toda Região Norte? Em que a realização deste Evento Maior da Ordem DeMolay mudou as vossas trajetórias? Trace 1 paralelo entre o CNOD 2008 e a Eleição do Daricélio para MCN em 2005 em Campo Grande, no 1º CNOD.

R – Certamente o maior legado que o IV CNOD deixou, foi uma extrema força de vontade e superação, pois como a Ordem DeMolay Acreana só possue 5 capítulos e que 2 são da capital, era sinônimo de SUPERAÇÃO conseguir realizar um congresso que por bastante tempo foi lembrado pelos DeMolays e tios de todo o Brasil.
Quando o irmão Daricélio foi eleito Mestre Conselheiro Nacional ainda não era iniciado na Ordem, mais vejo seus feitos durante sua gestão.
Durante a Gestão do Irmão Daricélio,poucos irmãos conheciam o Acre de fato, e com o seu trabalho frente ao Gabinete Nacional, puderam ver que o Acre existia e que havia gente de competência lá. O Irmão junto com os Tios, Almir e Rivaldo, ambos trouxeram o Congresso pra cá. E no que era um sonho se tornou uma realidade, com muito esforço e dedicação nós Acreanos mostramos a todo o Brasil que o ACRE existe e que tem muitas coisas boas em nossa terra. Então foi de grande reconhecimento para todos os DeMolay’s Acreanos esses dois feitos, Daricélio como Mestre Conselheiro Nacional, apresentando o Acre para o Brasil e o IV CNOD concretizando que o ACRE existe.


12) Qual foi o momento que mais te MARCOU, até agora, em sua trajetória como DeMolay? Alguma passagem que nunca tenha se apagado de vossa memória? Alguma personalidade que você tenha conhecido que pense que nunca se esquecerá dela?

R – Certamente a realização do IV Congresso Nacional em 2008, pois estive na comissão organizadora. Umas das coisas que nunca esquecerei da memória foi o encerramento do IV CNOD, que teve um gostinho de dever cumprido e que naquele momento a Ordem DeMolay se tornaria mais conhecida em âmbito nacional. E a Iniciação na qual tive oportunidade de está a frente do Capitulo como Mestre Conselheiro. Conheci algumas personalidades da Ordem no CNOD mais uma que não vou esquecer é Tio Guilherme Aguiar Past Grande Mestre Nacional, Corintiano como eu e o Irmão José Neto Mestre Conselheiro Nacional que é um irmão, humilde acima de tudo no qual tive a oportunidade de conhecê-lo no CNOD e de passar mais alguns dias com ele no VII Congresso Estadual no qual ele se fez presente.

13) Este espaço, sempre igual em todas as nossas Entrevistas, é livre para que o entrevistado deixe uma mensagem final a todos os Leitores do BLOG DO OMAR.

R –Primeiramente agradecer a Tio Omar,dizer que estou muito honrado por participar do seu BLOG dando essa entrevista e por ter proporcionado esse espaço para que outros irmãos de todos os estados brasileiros possa conhecer mais um pouco a Ordem DeMolay Acreana. E como o irmão Paolo Deon, comentou que para ele é uma satisfação conhecer novos irmãos e tios de todo o território nacional, para mim também conhecer novos irmãos é muito prazeroso,pois trocamos varias idéias e experiências.
E como essa entrevista vai na semana de aniversário do Capitulo,gostaria de dar parabéns a todos os irmãos membros do Capitulo Manoel Gonzaga Bezerra Filho Nº 156, pelos 18 anos de História e plena dedicação a Ordem DeMolay.
No mais gostaria apenas de citar um trecho do livro O Monge e o Executivo,o qual recomendo todos os irmão a lerem.Esse trecho diz assim: [..."A posição de liderança nos coloca em uma posição de sacrificio..."]
Então o cargo de liderança capitular é sinônimo de sacrifício, porem ele nos ensina bastantes lições e que dinheiro algum possa pagar esses ensinamentos que só a Ordem proporciona.
E também uma frase que foi usado no nosso Congresso. Separados pela Distância. Unidos pela Ordem DeMolay.
Venha conhecer o Acre,ele é logo ali!

Nenhum comentário:

Postar um comentário